Uma breve história das Voz Masculina no Brasil

Cresci ouvindo meu avô falar de um tal Chico Viola! Francisco Alves!

Meu avô o imitava e conhecia absolutamente todas as suas canções – símbolo precoce da voz masculina no Brasil, evidentemente empostada, como herança do bell canto.

Uma breve história da voz masculina faz parte de uma série, que tem o intuito de direcionar seus ouvidos ao repertório da música brasileira! E lembrar como se estabeleceu a cantoria dos compositores! Da voz pequena! Do microfone!

O que há de representativo entre os passos da música brasileira fonográfica para a voz masculina, está aqui neste infográfico!

Ou na memória de um Vicente Celestino! Maior referência do rei da voz: Francisco Alves!

Vamos lá?

SHARE
Previous articleEAD em Cursos de Música
Next article7 razões para Estudar Música
Primeiro me segue no instagram: joaomarcondesoficial! Eu sou o Professor João Marcondes! Sou coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, cursos que ocorrem na unidade Paraíso. Também coordeno programas livres como Arranjo para pequenos agrupamentos, Arranjo para agrupamentos médios, Composição Instrumental. E coordeno as unidades Moema e Alphaville desde 2010. Também atuo na instituição em tarefas administrativas, como assistente de direção da instituição e diretor da editora Souza Lima. Sou autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! Meus livros e métodos estão publicados no KINDLE - Amazon em parceria com a Editora Souza Lima. Sou educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Suas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music. É diretor e fundador da gravadora BAC Discos! www.bacdiscos.com/ Segue no instagram; https://www.instagram.com/joaomarcondesoficial/