Quais são as tétrades de um campo harmônico menor seguindo a escala menor harmônica?

harmonica

Quais são as tétrades de um campo harmônico menor seguindo a escala menor harmônica?

Primeiro precisamos recordar que os campos harmônicos são construídos através de escalas diatônicas. O campo harmônico menor responde a três escalas menores: menor primitiva, menor harmônica e menor melódica.

Lembre-se que a primeira frase pode parecer repetido se já leu os demais textos, mas alguém pode chegar aqui neste texto e tê-lo como primeira leitura.

Você já leu a série sobre tríades? São 4 publicações: tríades na escala maior, menor primitiva, menor harmônica e menor melódica. E já há outras duas sobre tétrades.

Nelas já tratamos que são doze campo harmônico menor, a partir das doze alturas do sistema temperado (dó, dó sustenido ou ré bemol, ré, ré sustenido ou mi bemol, mi, fá, fá sustenido ou sol bemol, sol, sol sustenido ou lá bemol, lá, lá sustenido ou si bemol e si), baseado em trinta e seis conjuntos.

Os acordes, tríades e tétrades, são sobrepostos em terças diatônicas, ou seja, terças encontradas da própria estrutura do tom sobre cada grau da escala, cada escala tem sete graus então são sete fundamentais para os acordes. A tétrade é fruto de três sobreposições de terça (F – 3 – 5 – 7).

Sendo assim quando tétrades o campo harmônico menor observando a estrutura da escala menor harmônica forma:

I – Tríades menor com sétima maior

II – Tríade diminuta com sétima menor, o que chamamos de tríade meio diminuta.

bIII Tríades aumentada com sétima maior

IV- tríade menor com sétima menor

V – tríade maior com sétima menor

bVI – Tríade maior com sétima maior.

VII – Tríade diminuta com sétima diminuta

Pela primeira vez, até aqui, cada grau possui uma estrutura de acorde diferente. Não há repetições de estrutura.

Lembre-se que a aplicação do bemol nos graus refere-se a comparação com uma escala maior homôfonica – Observe abaixo que em comparação ao grau o III, VI e VII estão meio tom abaixo, independente de ser sustenido ou bemol, o importante é a comparação entre graus homônimos.

Dó ré mi fá sol lá si – I II III IV V VI VII

Dó ré mib fá sol lab sib – I II bIII IV V bVI bVII

Em lá menor:

Am(7M) BØ C+(7M) Dm7 E7 F7M G#°

Observe as tétrades apresentadas em sequência de tons vizinhos por sustenido:

Em mi menor:

Em(7M) F#Ø G+(7M) Am7 B7 C7M D#°

Em si menor:

Bm(7M) C#Ø D+(7M) Em7 F#7 G7M A#°

Em fá sustenido menor:

F#m(7M) G#Ø A+(7M) Bm7 C#7 D7M E#°

Em dó sustenido menor:

C#m(7M) D#Ø E+(7M) F#m7 G#7 A7M B#°

Em sol sustenido menor:

G#m(7M) A#Ø B+(7M) C#m7 D#7 E7M F##°

Em ré sustenido menor:

D#m(7M) E#Ø F#+(7M) G#m7 A#7 B7M C##°

Em lá sustenido menor

A#m(7M) B#Ø C#+(7M) D#m7 E#7 F#7M G##°

*É preciso levar em conta que dobrados não fazem parte da estruturas de cifras, e natural então enarmonizar.

Observe as tétrades apresentadas em sequência de tons vizinhos por bemol:

Em ré menor:

Dm(7M) EØ F+(7M) Gm7 A7 Bb7M C#°

Em sol menor:

Gm(7M) AØ Bb+(7M) Cm7 D7 Eb7M F#°

Em dó menor:

Cm(7M) DØ Eb+(7M) Fm7 G7 Ab7M B°

Em fá menor:

Fm(7M) GØ Ab+(7M) Bbm7 C7 Db7M E°

Em si bemol menor:

Bbm(7M) CØ Db+(7M) Ebm7 F7 Gb7M A°

Em mi bemol menor:

Ebm(7M) FØ Gb+(7M) Abm7 Bb7 Cb7M D°

Em lá bemol menor:

Abm(7M) BbØ Cb+(7M) Dbm7 Eb7 Fb7M G°

 

Resumo feito! Segunda prosseguimos com as tétrades do campo harmônico menor baseado na menor melódica.

#VemProSouzaLima

SHARE
Previous articleQuais são as tétrades de um campo harmônico menor seguindo a escala menor primitiva?
Next articleQuais são as tétrades de um campo harmônico menor seguindo a escala menor melódica?
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, cursos que ocorrem na unidade Paraíso. Programas livres como Arranjo para pequenos agrupamentos, Arranjo para agrupamentos médios, Composição Instrumental. Coordena as unidades Moema e Alphaville desde 2010. João Marcondes também atua na instituição em tarefas administrativas, é assistente de direção da instituição e diretor da editora Souza Lima. É autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! Seus livros e métodos estão publicados no KINDLE - Amazon em parceria com a Editora Souza Lima. É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Suas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music. É diretor e fundador da gravadora BAC Discos! www.bacdiscos.com/