Quais os principais problemas que podem ocorrer com um bandolim?

bandolim

Quais os principais problemas que podem ocorrer com um bandolim?

O Bandolim é um instrumento amplamente utilizado na prática da música brasileira, como um importante representante do choro, mas coexistindo em outros agrupamentos.

Suas cordas são duplas o que concede muita tensão ao braço e ao tampo do instrumento. E para tal chegamos aos principais problemas:

1| Desgaste dos trastes

Pelo tensionamento das cordas duplas o desgaste dos trastes é o maior entre os instrumentos de corda. Escolha um instrumento com trastes de qualidade, e ao substituir consulte o luthier sobre o melhor produto do momento. Lembre que esse luthier deve ser especializado em instrumentos acústicos.

2| Tampo

Eu tive um bandolim que amassou o tampo dado o tensionamento das cordas. Emprestei o instrumento e a pessoa sem saber colocou as cordas do MANDOLIN norte-americano, que possui tensor no braço, e as cordas ainda mais pesadas. Não deu outra, quando ele me devolveu o tampo havia empenado pela pressão do braço.

Corda de bandolim é de bandolim, lembre-se disso.

3| Afinação

A ponte do bandolim é móvel. Ao trocar as cordas repare com exatidão no posicionamento original da ponte. Um milímetro que seja fora do posicionamento correto gera variação na afinação. Procure um especialista ou simplesmente experimente para resolver a questão.

4| Eletrificação

O instrumento acústico amplificado é sempre um problema. Esse tipo de instrumento não nasceu para receber captadores. Prefira os captadores conceituados, e uma boa ideia para tal, está em consultar qual equipamento seu instrumentista favorito utiliza.

5| Rachaduras e Avarias

Instrumentos acústicos não podem cair. Caiu o dano é irreparável. Apenas um luthier poderá salvá-lo. No dia a dia de utilização leve em conta hidratar a madeira com óleos apropriados, consulte um luthier, por que o produto pode variar de acordo com o tipo de madeira que seu instrumento foi construído.

Avançamos mais um passo!

Um grande abraço! Se gostou compartilhe este texto com seus amigos! Agora você já sabe as prevenções e necessidades, quais os principais problemas que podem ocorrer com o bandolim.

#VemProSouzaLima

 

SHARE
Previous articleQual a diferença entre mandolin e bandolim?
Next articlePor que o primeiro sustenido é fá?
Primeiro me segue no instagram: joaomarcondesoficial! Eu sou o Professor João Marcondes! Sou coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, cursos que ocorrem na unidade Paraíso. Também coordeno programas livres como Arranjo para pequenos agrupamentos, Arranjo para agrupamentos médios, Composição Instrumental. E coordeno as unidades Moema e Alphaville desde 2010. Também atuo na instituição em tarefas administrativas, como assistente de direção da instituição e diretor da editora Souza Lima. Sou autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! Meus livros e métodos estão publicados no KINDLE - Amazon em parceria com a Editora Souza Lima. Sou educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Suas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music. É diretor e fundador da gravadora BAC Discos! www.bacdiscos.com/ Segue no instagram; https://www.instagram.com/joaomarcondesoficial/