Por que o primeiro sustenido é fá?

sustenido

Por que o primeiro sustenido é fá?

Dúvida que um leitor trouxe para nosso BLOG, e que embora tenhamos uma postagem sobre armadura de clave, que trata desse assunto, vale a resposta rápida aqui, em poucas palavras. Afinal, por que o primeiro sustenido é fá?

1. Por ser o primeiro acidente que surge no procedimento conhecido como reprodução de escalas maiores por ciclos de quintas ascendentes.

Houve um tempo que os sons se comportavam de maneira livre, entoava-se a relação, mas sem predileção de altura exata, em dado momento os sons ganharam nomenclatura própria, e se relacionaram de maneira proporcional, assim a organização dos sons denotou outra necessidade.

A armadura de clave possui função de abreviação de escrita musical. Leia mais aqui!

2. Observe que em uma escala maior há duas relações de sensível, embora apenas o VII grau receba essa nomenclatura de função melódica.

Da mesma maneira que a nota SI composta na escala natural leva a DÓ em movimento ascendente, a nota FÁ quarto grau leva a MI em movimento descendente. O intervalo FÁ e SI justamente compõe o trítono da tonalidade de dó maior.

Na escala de sol maior o fá é alterado com sustenido, justamente com intuito de simular a sensível para sol ascendente, e compondo o trítono com o quarto grau. O trítono da tonalidade sol maior está no intervalo DÓ e FÁ#.

Ajudou?

Vamos aprendendo sobre música!

Compartilhe!

#VemProSouzaLima

SHARE
Previous articleQuais os principais problemas que podem ocorrer com um bandolim?
Next articleQuais as características do samba-exaltação?
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico das unidades Moema, Alphaville, Ribeirão Preto e Lençóis Paulistas. É idealizador e coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular (extensivo e semi-intensivo), do Curso Técnico em Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, que ocorrem na unidade Paraíso. João Marcondes atua na instituição em tarefas administrativas como assistente de direção, e ainda é diretor da editora Souza Lima. É editor e autor do BLOG Souza Lima, com mais de quinhentas publicações (BR, ES e EN). É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Composições e obras disponível no Spotify, Deezer e iTunes Music.