O que significa um sustenido e um bequadro escrito juntos em uma nota?

sustenido e bemol

O que significa um sustenido e um bequadro escrito juntos em uma nota?

Uma pergunta relevante de um leitor que faço questão de incluir na pauta do blog: O que significa um sustenido em bequadro escrito junto em uma nota? Assim mesmo sem ter tido acesso a partitura, vou procurar exemplificar com as informações protocolares da linguagem e estruturação musical, que observei nos estudos musicais como docente e estudante.

A ocorrência de um sustenido e um bequadro em conjunto em uma nota, assim como o leitor trouxe, ou melhor de um bequadro e um sustenido, resulta do cancelamento parcial do acidente dobrado.

Por exemplo:

Uma nota está representada como dó dobrado sustenido, por que é sensível da nota ré sustenido, e em dado momento houve a necessidade de cancelamento parcial desse acidente. Justo posto não basta apenas instruir alocando apenas um sustenido para a nota. É preciso representar seu cancelamento, levando-se em conta que estamos imaginando como um acidente ocorrente.

Então de dobrado sustenido, passa para apenas sustenido, por isso estão presentes o bequadro e o sustenido.

Sustenido e bequadro juntos

Logicamente o mesmo poderia ter ocorrido quanto a um bemol.

As nomenclaturas e utilização dos símbolos respeitam normas, e não adianta enarmonizar cada procedimento, a sensível de ré sustenido é dó dobrado sustenido, não ré natural.

Esta questão, por exemplo, do bom uso dos símbolos e termos é parte de uma avaliação vestibular das principais universidades brasileiras.

Gostou da publicação? Compartilhe! A ação ajuda com a manutenção do blog!

#VemProSouzaLima

SHARE
Previous articleVale a pena jogar tudo pro alto e ser músico?
Next articleQuantos anos de duração possui um curso de música?
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico das unidades Moema, Alphaville, Ribeirão Preto e Lençóis Paulistas. É idealizador e coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular (extensivo e semi-intensivo), do Curso Técnico em Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, que ocorrem na unidade Paraíso. João Marcondes atua na instituição em tarefas administrativas como assistente de direção, e ainda é diretor da editora Souza Lima. É editor e autor do BLOG Souza Lima, com mais de quinhentas publicações (BR, ES e EN). É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Composições e obras disponível no Spotify, Deezer e iTunes Music.