O que é canção?

Canção é uma modalidade de música cantada dotada de texto poético e ou em forma de crônica.

Mas tudo é canção? Qualquer música com letra?

Não.

A canção é fruto da expressividade artística humana, algo que se canta de maneira melodiosa, por rimas, e em forma clara – normalmente binária.

A canção está acima de gênero e estilo, embora coexista e até se comunique com alguns gêneros especialmente, no Brasil – como samba-canção, choro-canção e toada-canção.

Alinhada a poesia, que surgiu de certo modo pelo desconhecimento da grafia musical dos trovadores, a canção é um gênero extremamente lírico.

A canção é parte de um contexto que alinha história em versos cantados.

Em sua origem a canção predispõe crônica, que eleva e registra situações primeiramente cotidianas. E que a seguir procura poesia como algo que provoca, ou remete a um pensamento reflexivo para questões de espaço, de uma nação, ou o que será pessoal fruto da visão de um compositor sobre o mundo ou sobre si.

De ninar

Pode haver uma espécie folclórica, aquela transmitida pela oralidade, que não se sabe autor, ou época, apenas se sabe da importância cultural para uma nação. A espécie folclórica das canções é algo que embora represente o passado está viva e se modifica.

Há também a popular, aquela que atende ao mercado fonográfico. E que é composta com finalidades precisas, direcionadas ao público ou para uma terceira arte (poesia/música para um filme – cinema, por exemplo). Lírica! Canção-pop?

É um mercado que atualmente move bilhões.

Compositores eruditos compuseram canções. E partindo de certo pressuposto histórico, a primeira forma (e para alguns: única!) de se constituir uma obra desse perfil está no ato de musicar um texto predefinido. Há outros processos que resultam em canções:

– Compor uma melodia que receberá letra (própria ou de outrem).

– Compor melodia e letra em conjunto.

– Compor parcialmente uma primeira seção (letra e música), ou refrão, que receberá de outro compositor a contraposição – uma segunda seção.

Há canções em todos os gêneros. Há canções de todos os estilos. Mas lembre: nem tudo que é cantado e dotado de texto é canção. Trata-se de uma escola que ainda vem sendo estudada.

Em outra publicação ampliamos essa questão.

Choro-canção:

Samba-canção:

Toada-Canção:

SHARE
Previous articleAs características do Percussionista
Next articleUma breve história do Bandolim
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico das unidades Moema, Alphaville, Ribeirão Preto e Lençóis Paulistas. É idealizador e coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular (extensivo e semi-intensivo), do Curso Técnico em Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, que ocorrem na unidade Paraíso. João Marcondes atua na instituição em tarefas administrativas como assistente de direção, e ainda é diretor da editora Souza Lima. É editor e autor do BLOG Souza Lima, com mais de quinhentas publicações (BR, ES e EN). É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Composições e obras disponível no Spotify, Deezer e iTunes Music.