O que a pandemia deve deixar de lição para os músicos?

a pandemia deve deixar de lição para os músicos

O que a pandemia deve deixar de lição para os músicos?

Desde 2004 oriento estudantes para o vestibular e para a carreira de musicista. Não tenho uma contagem precisa, mas com a média de vinte estudantes por ano, devo estar próximo de quatrocentos estudantes que pude orientar diretamente.

Quando o desenvolvimento do BLOG Souza Lima me foi proposto em agosto de 2017 pedi tempo. E passei quatro meses avaliando vídeos no Youtube, textos de blogs e sites de música. O BLOG Souza Lima foi iniciado por mim de fato em outubro de 2017.

Na pauta que criei na época destacava a carreira do músico profissional, e acima até mesmo do conteúdo de formação. Iniciei o BLOG com uma postagem semanal, a seguir aumentamos para duas publicações semanais, até que quatro meses depois cravamos o BLOG como diário – até hoje de segunda a sexta o BLOG traz diariamente conteúdos novos.

Com algum trabalho o BLOG tem propiciado o auxílio a milhares de musicistas.

Artigos como “Quero ser músico” e “Bacharelado ou licenciatura em música” atingiram vinte mil leituras cada. E ainda há outros artigos com contribuições importantes à comunidade musical. E ao ponto de receber estudantes para atividades presenciais através desses textos.

A série Dicas para o Futuro Músico Profissional condiz com o que venho refletindo para os músicos sobre os aspectos alargados e sublinhados pela Pandemia. Em especial o texto “Diversificar“.

Não criei o texto “Diversificar” sob critérios tecnológicos, meu intuito era advertir a importância de nos articular em uma carreira alimentada em diferentes frentes. O músico precisa diversificar suas ações para manter-se ativos no mercado.

Como?

Eu como produtor musical tenho atuado em meio a pandemia, e por exemplo, tive a necessidade de um violoncelista, onde? Como? Produzir um disco, sigo atuando remotamente. E infelizmente encontrei apenas um violoncelista para o trabalho que tinha o mínimo conhecimento em gravação. O orçamento foi condizente, infelizmente o timbre da gravação achei insuficiente. Relato que consultei mais que duas dezenas de violoncelistas.

Onde estão os músicos se não estão trabalhando? Um músico precisa saber escrever um arranjo. E precisa também saber compor. E ainda mais gravar seu instrumento pelo menos em um ambiente minimamente controlado em sua própria casa.

Mas o que fazer se soubesse gravar?

A indústria do entretenimento parou? O fluxo diminuiu sim, mas continua existindo.

E o da publicidade? Segue ativa.

Os trabalhos artísticos seguem em meio a Pandemia, e nesse momento estou produzindo três discos. Mas alguns instrumentos que quis para os trabalhos não consegui resultados satisfatórios.

Diversificar é parte do que a pandemia deve deixar de lição para os músicos.

A outra parte é que o poder público despreza a classe artística. Precisamos estar juntos nessa toada, e mais uma vez através de um texto tento alertar os amigos que viviam exclusivamente da noite – tocando em casas noturnas ou bares e restaurantes, e agora?

A vida do musicista é lecionar, é tocar, é gravar, é produzir, é arranjar, é adaptar! Pense nisso! Conheço dezenas de músicos que tiveram negado o auxílio emergencial. O que foi ministério um dia e hoje é secretaria de cultura desconhece a necessidade de políticas públicas para a classe artística. Isso é assustador.

#PenseNisso

SHARE
Previous articleArranjo musical ou uma adaptação?
Next articleQual a função de uma fermata?
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico das unidades Moema, Alphaville e Ribeirão Preto. Também é idealizador e coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, cursos que ocorrem na unidade Paraíso. João Marcondes também atua na instituição em tarefas administrativas, é assistente de direção da instituição e diretor da editora Souza Lima. É autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Suas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music.