Música Brasileira em Compasso Composto

Confesso que embora o tema da publicação seja música brasileira em compasso composto, a totalidade do repertório pautada em compasso composto presente na música brasileira é ínfima.

Fica então como objetivo reconhecer o compasso composto, em detrimento ao compasso simples.

As principais características do compasso composto são:

  • A Unidade de tempo é figura composta. Ou seja: um valor com um ponto de aumento.
  • Assim: a primeira subdivisão é ternária.
  • A segunda segue a proporção binária, no entanto.

De certo modo o compasso composto é uma forma de abreviação da escrita, mas deixemos o aprofundamento dessa reflexão para outro momento.

O compasso acima é um compasso binário composto.

O quantificador do signo ou fórmula de compasso propõe o número da primeira subdivisão, seis, dois grupos de três colcheias, proporcionais a semínima pontuada. Ao invés da escrita do compasso simples que designa a métrica.

O qualificador, apresenta a figura oito, colcheia, demonstrando então quem representa a primeira subdivisão.

Quanto a percepção:

Na percepção você sente a pulsação que é contínua, mas quando se depara com a subdivisão é ternária. O pulso constante é mais lento, que a sensação da subdivisão. Um pulso acima de trezentos BPM passa a subdivisão, instintivamente procuramos uma unidade maior. Isso se dá pelo vínculo natural que o pulso constante possui com a dança.

Observe:

A canção Andaluz de Djavan, inicia em compasso simples, e aos 47 segundos se estabelece o compasso composto. Siga o contrabaixo elétrico como referência de pulsação.

A música erudita europeia possui uma variável imensa de formas e justificativas de escrita para o compasso composto. Valsas inclusive possuem ocasionalmente a escrita em compasso composto, encontrando a escrita por decorrência do andamento. Ou a procura de uma escrita abreviada.

Algumas partituras abreviam a relação presente do compasso composto, pautando como simples. Gera algumas outras interpretações, mas melhor deixar esse assunto para uma próxima publicação.

Procure a priori apenas sentir essa métrica do compasso composto, proposta, e retomaremos esse tema em breve.

#VemProSouzaLima

 

SHARE
Previous articleCaracterísticas do compositor
Next articleQuero Ser Músico entrevista: Leopoldo Calderón
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico das unidades Moema, Alphaville, Ribeirão Preto e Lençóis Paulistas. É idealizador e coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular (extensivo e semi-intensivo), do Curso Técnico em Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, que ocorrem na unidade Paraíso. João Marcondes atua na instituição em tarefas administrativas como assistente de direção, e ainda é diretor da editora Souza Lima. É editor e autor do BLOG Souza Lima, com mais de quinhentas publicações (BR, ES e EN). É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Composições e obras disponível no Spotify, Deezer e iTunes Music.