Dica #11 – Portfólio

Para um músico profissional as interações e atividades exercidas entre os estudos e os trabalhos remunerados compõe o portfólio.

Como?

O conjunto inicial é composto por atividades estudantis bem sucedidas como um primeiro arranjo, uma primeira composição, um primeiro recital ou apresentação. Cada uma dessas atividades comprovadas por partitura, vídeo ou áudio.

Nesse embrião direcionamos a organização e fundamento da carreira profissional. Um trabalho bem realizado chama atenção de um colega, de um professor, de um público específico, e cada resultado estudantil respalda algo futuro.

Em um curso de arranjo ou de composição são comuns as atividades de criação. O futuro músico que estabelece portfólio investe na consolidação de uma atividade.

Claro, que reunir documentos e programas de recital é parte ínfima quando se leva em conta a era digital. Mas esses documentos, que também incluem certificados são importantes mesmo que hoje sejam precisos fonogramas, álbuns, vídeos, entrevistas…

Quando acumulamos muitas atividades devemos selecionar o que é relevante para a leitura de um contratante. O que representa melhor meu trabalho? O que representa melhor o trabalho que estou propondo?

É possível apresentar dentro de uma coleção de atividades realizadas um portfólio específico para vender um serviço ou produto.

O seu portfólio pode ser apresentado diretamente ou indiretamente. Se a divulgação do portfólio é indireta – aquela que não está exposta ao mundo pelos canais de streaming ou youtube, site, blog, é fundamental estabelecer uma apresentação que reflita qualidade.

Se a divulgação é direta – aquela que está exposta continuamente, cuide para que os recursos estejam atualizados, o mercado muda, e um portfólio ultrapassado pode revelar um desconhecimento profissional do que é atual. Ou até mesmo, um hiato de produção.

Aperfeiçoe a gestão do tempo para que esteja mantida ordem e organização do portfólio. Se você pretende seguir carreira acadêmica no primeiro ano crie um perfil na plataforma de Currículos Lattes. Ali está uma organização cronológica, de certo modo um portfólio acadêmico.

Aproveite!

O que faz parte de um portfólio para um músico profissional?

Currículo profissional, release, fonogramas, álbuns, site, currículo lattes, blog, vídeos, cartaz de divulgação, matérias e entrevistas.

Organize-se!

SHARE
Previous articleQuem tem medo da música sertaneja?
Next articleO que é fonograma?
João Marcondes
Professor João Marcondes é coordenador pedagógico das unidades Moema, Alphaville, Ribeirão Preto e Lençóis Paulistas. É idealizador e coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular (extensivo e semi-intensivo), do Curso Técnico em Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, que ocorrem na unidade Paraíso. João Marcondes atua na instituição em tarefas administrativas como assistente de direção, e ainda é diretor da editora Souza Lima. É editor e autor do BLOG Souza Lima, com mais de quinhentas publicações (BR, ES e EN). É educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Composições e obras disponível no Spotify, Deezer e iTunes Music.