Como é para um estrangeiro estudar música no Brasil? Entrevista 1

Como é para um estrangeiro estudar música no Brasil?

Estrangeiros estudando música no Brasil. Entrevista com Cesar Augusto Aranguibel Molano, Nacionalidade: Venezuelana!

Como conheceu o Souza Lima – Faculdade e Conservatório de Música?

Como já estudava música na Venezuela, quando me mudei para o Brasil, procurei uma escola de música para continuar meus estudos, e o Souza Lima também é referência aqui na região de Barueri, em São Paulo. Na unidade de Alphaville.

Com quantos anos você iniciou o primeiro curso na instituição? Em qual unidade?

Comecei com 15 anos na aula de bateria e depois nas aulas de piano. Na unidade Souza Lima – Alphaville. (Tenho 28 anos agora).

Como foi sua admissão na Faculdade Souza Lima? E que programa está realizando?

É o programa bacharelado em música. O processo de ingresso na universidade não foi difícil, eu já fazia aulas de preparação no Souza Lima para o vestibular. Eu me senti muito confortável, foi um processo bastante tranquilo.

Você conquistou uma Bolsa de estudo? Parabéns pela Bolsa Grammy, como foi o processo de obtenção da bolsa para o programa que o Souza Lima trouxe para o Brasil?

Muito obrigado. O processo foi muito interessante, tive que gravar uma série de vídeos onde apresentei canções (interpretações e autorais) repletas de história e cultura latino-americana, que era o requisito para a bolsa Souza Lima / Grammy. Para isso tive que mergulhar na cultura venezuelana, brasileira e de outros países para poder produzir algo interessante.

E a carreira?

E depois? Quais são os principais projetos da carreira musical?

O projeto principal é sempre estudar, por isso pretendo fazer alguma especialização ou pós-graduação em uma universidade fora do Brasil. Depois da faculdade, quero me concentrar em minhas composições e no meu desenvolvimento com meu instrumento. Também tenho um projeto de longo prazo que é viajar, conhecer e explorar em profundidade os folclores e culturas com as quais mais me identifico (Cuba, Espanha, Venezuela, Brasil, Estados Unidos e países do Oriente Médio)

O Souza Lima como instituição atendeu aos seus anseios para seus objetivos profissionais?V

Em 100%. O Souza Lima tem um corpo docente que na minha opinião é um dos mais brilhantes. Tenho a sorte e o prazer de estudar com pessoas como, por exemplo, Sizão Machado, Nenê e André Marques, entre outros que são enciclopédias de música.

Como é estudar no Brasil? Você recomendaria a outros estudantes estrangeiros? Venezuelanos?

No caso da Venezuela, no Brasil, é muito mais fácil estudar música, e principalmente música popular, até porque se eu tivesse ficado na Venezuela estudaria música clássica, que foi onde comecei na música. Recomendo 100%, meu crescimento musical além de tantos outros motivos se deve por ter estudado em uma cidade tão grande!

A competição aqui é maior porque existem oportunidades maiores que no meu país e me motiva a melhorar, além de ser o epicentro cultural da América Latina. Sem falar no crescimento pessoal que é morar em outro país, aprendendo outros idiomas. Não só venezuelanos, recomendo para estudantes de todo o mundo. O Brasil tem uma cultura mágica, envolvente e bela que vale a pena conhecer.

Muito obrigado César, e pelo sucesso em sua carreira! Entrevista realizada por e-mail, pelo Professor Mestre João Marcondes, no dia 4 de dezembro de 2017 para o Souza Lima – Blog Latino.

SHARE
Previous articleDe onde vem o violão de 7 cordas?
Next articleDe onde veio a música chamada Choro?
Primeiro me segue no instagram: joaomarcondesoficial! Eu sou o Professor João Marcondes! Sou coordenador pedagógico dos programas Composição Popular - Letra e Musica, do Preparatório para Vestibular de Música (extensivo, semi-intensivo e intensivo), do Curso Técnico em Processos Fonográficos - Produção Musical, e da Pós-Graduação em Educação Musical, cursos que ocorrem na unidade Paraíso. Também coordeno programas livres como Arranjo para pequenos agrupamentos, Arranjo para agrupamentos médios, Composição Instrumental. E coordeno as unidades Moema e Alphaville desde 2010. Também atuo na instituição em tarefas administrativas, como assistente de direção da instituição e diretor da editora Souza Lima. Sou autor do BLOG Souza Lima e do BLOG Souza Lima - Magazine Luiza! Meus livros e métodos estão publicados no KINDLE - Amazon em parceria com a Editora Souza Lima. Sou educador Musical, compositor, arranjador e instrumentista. Mestre em Educação Arte e História da Cultura, especializado em docência em música brasileira, graduado e técnico em música. Suas composições e obras fonográficas estão disponíveis para audição no Spotify, Deezer e iTunes Music. É diretor e fundador da gravadora BAC Discos! www.bacdiscos.com/ Segue no instagram; https://www.instagram.com/joaomarcondesoficial/